Publicidade do Site
Publicidade do Site

Copa do Brasil: Ponte Preta e Sampaio Corrêa medem forças em Campinas

Em baixa nos respectivos estaduais, Ponte Preta e Sampaio Corrêa focam na Copa do Brasil para conquistar um pouco de paz. Os times se enfrentam nesta quarta-feira (28), às 19h30 (de Brasília), no Majestoso, em Campinas, pelo jogo de ida da terceira fase. Sob risco no Paulistão – está a apenas dois pontos da zona
Redação
28 fev 2018
Compartilhe
WhatsApp WhatsApp WhatsApp
Comente

Moisés Lucarelli recebe o duelo entre Ponte Preta e Sampaio Corrêa.

Em baixa nos respectivos estaduais, Ponte Preta e Sampaio Corrêa focam na Copa do Brasil para conquistar um pouco de paz. Os times se enfrentam nesta quarta-feira (28), às 19h30 (de Brasília), no Majestoso, em Campinas, pelo jogo de ida da terceira fase.

Sob risco no Paulistão – está a apenas dois pontos da zona de rebaixamento, a Macaca precisa de um resultado positivo não apenas para largar bem no confronto, mas também para aliviar a pressão. Até aqui, o time passou pelo Nacional-AM, com empate por 0 a 0 em Manaus, e pela Inter de Limeira, com vitória por 1 a 0 em Campinas.

O Sampaio também vive um período de instabilidade no estadual, com duas derrotas seguidas, e se apoia no sonho da classificação inédita à quarta fase da Copa do Brasil para voltar com um bom resultado. O caminho do time até agora no torneio nacional foi de vitórias sobre Independente-PA (fora) e Paraná (casa), ambas por 1 a 0.

 

Além da questão esportiva, a Copa do Brasil tem importância financeira para os clubes. Avançar para a quarta fase também significa embolsar mais R$ 1,8 milhão. As classificações anteriores, somadas, já renderam R$ 2,5 milhões aos cofres dos clubes.

Diferentemente das duas primeiras fases, os duelos passam a ser de ida e volta. Não há mais vantagem do gol marcado fora de casa. Se houver empate no saldo, a decisão será nos pênaltis. O segundo confronto entre Ponte e Sampaio está marcado para 15 de março, no Maranhão, às 19h15 (de Brasília).

 Arbitragem: Paulo Roberto Alves Júnior apita o jogo, auxiliado por Luiz Henrique Souza Santos Renesto e Daniel Cotrim de Carvalho, todos do Paraná. O quarto árbitro será Rodrigo Gomes Paes Domingues (SP).

Ponte Preta – Técnico: Eduardo Baptista

Sem Felippe Cardoso, vetado pelo departamento médico, Eduardo Baptista conta com as voltas de Tiago Real e Felipe Saraiva para armar a Macaca. A tendência é que eles apareçam entre os titulares. Resta saber quem vai sair.

No meio, João Vitor e Marciel estão com as vagas ameaçadas, assim como Silvinho, em baixa, corre o risco de sair na frente. Já para substituir Cardoso, Yuri é o herdeiro natural da camisa 9. O treinador também levará em conta a condição física dos jogadores para definir a formação.

Desfalques: Felippe Cardoso (edema na coxa esquerda).

Pendurados: Jeferson.

Sampaio Corrêa – Técnico: Francisco Diá

O Sampaio terá uma baixa de última hora por causa da lesão do goleiro Andrey, vetado na véspera da viagem. Por outro lado, o Tricolor conta com o retorno do setor defensivo titular, preservado no fim de semana. No gol, André Luiz assume a camisa 1.

Desfalques: o goleiro Andrey e o atacante Reginaldo Junior estão lesionados.

Pendurados: ninguém.

 

Deixe o seu comentário!

Rádio Mais FM